Bem-vindo à página ARQUIVO 2006-2016 da Presidência da República Portuguesa

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas
Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas
Lamego, 9 de junho de 2015 ler mais: Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas

 

Documento de Enquadramento
- Bons Exemplos a Visitar Clique aqui para diminuir o tamanho do texto|Clique aqui para aumentar o tamanho do texto

Mundo a Sorrir - Associação de Médicos Dentistas Solidários Portugueses

A Associação Mundo a Sorrir é a primeira Associação Portuguesa de Solidariedade dedicada à temática da Saúde Oral. O seu principal objectivo é a promoção da valorização do princípio da equidade do direito à Saúde Oral, assim como a sensibilização, divulgação e promoção de cuidados de Saúde Oral em Portugal e no Mundo. Desde 2006 que lhe foi atribuído o estatuto de ONGD (Organização Não Governamental para o Desenvolvimento).

São atribuições da Mundo a Sorrir:

  • Servir de fórum e promover o debate de questões de Saúde Oral, assim como de ponto de encontro de especialistas que se dediquem ao estudo destas temáticas;
  • Promover iniciativas dirigidas à melhoria da qualidade dos cuidados de Saúde Oral prestados à população;
  • Implementação de programas preventivos, formativos e/ou assistenciais, na área da Saúde Oral em comunidades desfavorecidas, dentro e fora de Portugal;
  • Consciencializar o conjunto da profissão odontológica, as autoridades e sociedades médicas em geral, das necessidades das populações, comunidades ou grupos sociais marginalizados na área de Saúde Oral assim como desenvolver uma resposta solidária com estes;
  • Mobilizar, mediante cooperações nacionais e estrangeiras, todos os recursos humanos e materiais possíveis, que permitam o desenvolvimento dos fins da instituição, salvaguardando sempre a independência funcional da “Mundo a Sorrir”;
  • Estabelecer colaborações e programas conjuntos com organizações não governamentais, administrações públicas, fundações ou outras entidades privadas que facilitem a realização dos seus fins;
  • Realizar convénios com universidades, colégios ou associações profissionais, sociedades científicas ou outras instituições educativas para ajudar à formação de equipas e na promoção de programas de cooperação.

A Mundo a Sorrir – Associação de Médicos Dentistas Solidários Portugueses tem como área de intervenção a Saúde Oral associada ao Voluntariado e à Solidariedade Social.

As Instituições particulares de intervenção social assumem um papel preponderante na área social. Uma vez que estas instituições, dado que não procuram o lucro, defrontam-se com dificuldades financeiras e dispõem normalmente de fracos recursos para atingir os objectivos que se propõem. É, assim, indispensável o recurso à sociedade civil e ao trabalho voluntário disponibilizado por pessoas e empresas.

O trabalho voluntário caracteriza-se por um conjunto de valores, o primeiro dos quais, e que o distingue dos outros, é a gratuidade. Acrescem a solidariedade, a participação, a responsabilidade. O senso comum muitas vezes associa-lhe ainda valores como “serviço”, “disponibilidade”, “dedicação”.

Ser voluntário não é só ajudar uma pessoa menos favorecida: é muito mais do que isso. É estar envolvido como participante em acções concretas; é um modo de estar na vida, na qual a participação activa e responsável nas diversas estruturas da sociedade é um imperativo de cidadania; é exercício de civismo e de co-responsabilidade pelo bem comum. A solidariedade é uma realidade que se torna visível a partir de acções concretas de um grupo de pessoas empenhadas. Mas é actualmente exigida às instituições de solidariedade uma contrapartida de profissionalismo, de eficácia. Ora, existe uma grande dificuldade em conciliar exigência de eficácia e profissionalismo com a lógica do voluntariado: disponibilidade pessoal, compromisso.

A saúde oral está intimamente ligada com o bem-estar geral de cada um e de todos, sendo um factor que contribui para manter ou restabelecer as condições físicas, emocionais e sociais necessárias ao aumento das capacidades individuais, melhorando a qualidade de vida. Infelizmente, pode dizer-se que quase 100% da população em geral sofre das principais doenças orais – a cárie dentária e a doença periodontal. É, assim, urgente que a educação e promoção da saúde oral se tornem uma realidade no nosso país.

Desde a sua constituição que a Associação Mundo a Sorrir tem estabelecido inúmeras parcerias para a realização das suas actividades em território nacional e internacional.

Em termos nacionais, tem estabelecido parcerias com entidades locais como escolas que se encontram no seio de Bairros Sociais, Associações, Instituições Particulares de Solidariedade Social e empresas da área da Saúde Oral. A Associação Mundo a Sorrir assinou, ainda, um contrato de adesão ao Serviço Municipal de Apoio ao Voluntariado com a Câmara Municipal do Porto e a Fundação para o Desenvolvimento Social do Porto, integrando desta forma o Serviço Municipal de Apoio ao Voluntariado (SMAV), apoiando a promoção e facilitação da prática do voluntariado no Município do Porto.

A Associação Mundo a Sorrir conta, ainda, com a parceria da Fundação Calouste Gulbenkian, Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento, Fundação Portugal-África, Fundação EDP, Entrajuda (Banco Alimentar Contra a Fome), Câmara Municipal do Porto, Fundação da Juventude, Santa Casa da Misericórdia do Porto, Alto Comissariado da Saúde, Direcção-Geral da Saúde e Instituto Português da Juventude. Parcerias fundamentais para a realização das suas actividades, uma vez que muito do seu trabalho se destina a populações carenciadas residentes nas zonas de intervenção destas instituições.


Projectos:

Projecto Saúde a Sorrir – Centro de Apoio à Saúde Oral

Objectivo: O Projecto tem como objecto a promoção e a realização de Cuidados de Saúde Oral no formato de uma clínica, com todas as condições básicas e adequadas, às populações mais frágeis residentes na Zona Histórica do Porto. Apoia directamente 12 Instituições Particulares de Segurança Social, onde valoriza a Saúde Oral como instrumento útil para a reinserção Social.

Desde Março de 2009, trabalham voluntariamente neste projecto 34 médicos dentistas e foi dado apoio a 740 pacientes e efectuados 1100 tratamentos.


Projecto Saúde Oral sobre Rodas

Objectivo: O Projecto "Saúde Oral sobre Rodas" tem como âmbito da sua intervenção a promoção de Campanhas de Informação, Prevenção e Promoção da Saúde Oral, junto de crianças que frequentem Jardins-de-infância e Escolas do 1º Ciclo, do Distrito do Porto. O objectivo principal é a consciencialização para a Saúde Oral e cuidados dentários nas crianças.

A população escolar abrangida atinge o número de 8 mil crianças durante 2009.


Projecto “Mimos & Sorrisos – Educação e Promoção da Saúde”

Objectivo: O Projecto “Mimos & Sorrisos – Educação e Promoção da Saúde” tem como objectivo geral promover a qualidade de vida e contribuir para a redução das vulnerabilidades e dos riscos para a saúde relacionados com os seus determinantes e condicionantes, estilo de vida, condições de trabalho, habitação, ambiente, educação, lazer, cultura, acesso a bens e serviços essenciais.


Projecto de Saúde Oral em Cabo Verde

De 2005 a 2009, participaram no Projecto de Saúde Oral em Cabo Verde 30 médicos dentistas participaram e mais de 1500 utentes receberam tratamento dentário. Grande parte dos tratamentos efectuados corresponde a extracções e restaurações e, em menor número, endodontias e profilaxias (entre outros).


Projecto de Saúde Oral Mundo a Sorrir&AMI

Duração total: 8 semanas.

Nº Voluntários envolvidos: 6.

Beneficiários do projecto: população infantil/adolescentes e adultos.

Locais de intervenção: Escolas de Ensino Básico. Centros de Saúde da ilha do Fogo, fora da cidade de S. Filipe.


Projecto de Saúde Oral na Guiné – Bissau

Desde 2005 que a ONGD Mundo a Sorrir desenvolve o projecto de Saúde Oral na Guiné-Bissau. Em finais de 2008 lançou uma clínica dentária no Hospital do Orfanato Casa Emanuel. Os principais objectivos deste projecto são a Formação a profissionais Guineenses, prevenção para os cuidados básicos de Saúde Oral, apoio a serviços Médicos Dentários e assistencial.

Número Voluntários envolvidos: 23.

Locais de intervenção: Hospital Nacional Simão Mendes, Hospital 3 de Agosto, Clínica Madre Teresa de Calcutá, Ambulatório Pediátrico da Missão Contun Madina, Bairro Cantum Nº3, Orfanato Casa Emanuel, Missão de Kumura, Missão Franciscana de Quinhamel, Hospital da Cidade do Canchungo, Clínica Stº Egídio, Missão de Safim, Liceu da Irmandade Franciscana de Bissau e Aldeia S.O.S. Bissau.

A criação da clínica dentária permitiu transformar este projecto numa iniciativa de continuidade ao longo do ano, em vez de uma participação anual coincidente com os períodos de verão.

 

<- Anterior |

 

© Presidência da República Portuguesa - ARQUIVO - Aníbal Cavaco Silva - 2006-2016

Acedeu ao arquivo da Página Oficial da Presidência da República entre 9 de março de 2006 e 9 de março de 2016.

Os conteúdos aqui disponíveis foram colocados na página durante aquele período de 10 anos, correspondente aos dois mandatos do Presidente da República Aníbal Cavaco Silva.