Bem-vindo à página ARQUIVO 2006-2016 da Presidência da República Portuguesa

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Visita ao Centro de Formação  Profissional de Setúbal,  no âmbito da 6ª jornada do Roteiro para uma Economia Dinâmica dedicada à Educação e Formação Profissional
Visita ao Centro de Formação Profissional de Setúbal, no âmbito da 6ª jornada do Roteiro para uma Economia Dinâmica dedicada à Educação e Formação Profissional
Setúbal, 11 de setembro de 2015 ler mais: Visita ao Centro de Formação  Profissional de Setúbal,  no âmbito da 6ª jornada do Roteiro para uma Economia Dinâmica dedicada à Educação e Formação Profissional

 

Documento de Enquadramento - Bons Exemplos a Visitar Clique aqui para diminuir o tamanho do texto|Clique aqui para aumentar o tamanho do texto

CERCI Espinho – Cooperativa de Educação e Reabilitação do Cidadão Inadaptado de Espinho

Em Julho de 1976 um grupo de cidadãos de Espinho, membros de uma Associação de Pais, preocupados com a falta de respostas para a população com problemas de saúde mental deu início à CERCI Espinho, desenvolvendo projectos na área do ensino especial, para os seus primeiros 26 utentes.

Ao longo de 33 anos de existência foram sendo criadas várias valências tanto na área da saúde mental como para dar resposta a problemas de grupos desfavorecidos com acentuada exclusão social. Distribuídos por quatro pólos físicos encontramos o Centro de Formação e Reabilitação Profissional para pessoas que face à natureza da sua incapacidade não revelam condições para aceder à oferta formativa regular; o Centro de Actividades Ocupacionais, para desenvolver competências pessoais e sociais em jovens ou adultos com deficiência mental grave ou profunda; o Centro de Educação e Formação para Jovens e Adultos, que pretende potenciar o quadro de qualificação dos formandos com baixas habilitações escolares e qualificações profissionais e desempregados, através da valorização das competências adquiridas ao longo da vida em contextos formais e não formais e também o Apoio Domiciliário. De referir ainda o Centro Comunitário da Ponte de Anta, uma intervenção direccionada a crianças, jovens, adultos ou idosos do Bairro da Ponte de Anta, que procura fomentar o desenvolvimento sociocultural da comunidade residente neste conjunto habitacional identificado, por dois estudos realizados no concelho de Espinho, como as áreas de maior incidência de problemas e de exclusão social.

No ano de 2009, em parceria com outras instituições locais, a CERCI Espinho implementou o Projecto de Vivências Multiculturais que promove a inclusão escolar de 104 crianças e jovens e a educação não formal de 115 familiares da população cigana do concelho.

A CERCI Espinho oferece, ainda, serviços através do Banco de Ajudas Técnicas, cedendo equipamento de apoio à mobilidade (camas articuladas, cadeiras de rodas ou de banho) ou através do Banco Alimentar Contra a Fome com a distribuição de alimentos. Porém, o facto mais relevante é a capacidade de prestação de serviços ao exterior com base numa atitude empreendedora que reforça a sua capacidade de financiamento através de receitas próprias, ao mesmo tempo que desenvolve nos seus formandos as competências indispensáveis à sua inserção no mercado de trabalho.

 

<- Anterior | Seguinte ->

 

© Presidência da República Portuguesa - ARQUIVO - Aníbal Cavaco Silva - 2006-2016

Acedeu ao arquivo da Página Oficial da Presidência da República entre 9 de março de 2006 e 9 de março de 2016.

Os conteúdos aqui disponíveis foram colocados na página durante aquele período de 10 anos, correspondente aos dois mandatos do Presidente da República Aníbal Cavaco Silva.