Bem-vindo à página ARQUIVO 2006-2016 da Presidência da República Portuguesa

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Assembleia Geral das Nações Unidas
Assembleia Geral das Nações Unidas
Nova Iorque, EUA, 28 de setembro de 2015 ler mais: Assembleia Geral das Nações Unidas

 

Diagnóstico - Nados vivos fora do casamento, maternidade precoce, nados vivos/idade mãe Clique aqui para diminuir o tamanho do texto|Clique aqui para aumentar o tamanho do texto

Uma outra característica da natalidade relaciona-se com a crescente proporção de crianças nascidas fora do casamento que triplicou nos últimos 30 anos.

Roteiro Inclusão - Gráfico % número de nados vivos fora do casamento

 

Relativamente à maternidade precoce, a tendência tem sido descendente nos dois grupos etários geralmente identificados com aquele indicador (menores de 16 anos e dos 16 aos 20)

Roteiro Inclusão - Gráfico Maternidade Precoce

 

Para o ano de 2002, o número de nascimentos registados em função da idade das mães distribui-se em torno de uma média de 29 anos. No conceito tradicional de maternidade precoce (idade das mães inferior a 16 anos) os números de 2002 apontam para 366 casos; no conceito mais alargado e usado internacionalmente (15-19) o número de casos é de 6641, correspondente a 5,8% do total de nados vivos.

Roteiro Inclusão - Gráfico Número de nados vivos em função da idade da mãe

 

Em termos de comparações internacionais recorre-se à taxa de fertilidade específica do grupo etário das mulheres com idades dos 15 aos 19 anos (número de nascimentos por cada 1000 mulheres do grupo etário referido), como indicador de maternidade precoce.

Roteiro Inclusão - Gráfico Taxa de Ferilidade (15-19 anos)

 

<- Anterior | Seguinte ->


© Presidência da República Portuguesa - ARQUIVO - Aníbal Cavaco Silva - 2006-2016

Acedeu ao arquivo da Página Oficial da Presidência da República entre 9 de março de 2006 e 9 de março de 2016.

Os conteúdos aqui disponíveis foram colocados na página durante aquele período de 10 anos, correspondente aos dois mandatos do Presidente da República Aníbal Cavaco Silva.